desabafo…

Cada um de nós tem de conviver com as suas decisões…

 Tive oportunidade de participar, na passada sexta-feira, na inauguração do novo centro escolar de Salvaterra de Magos, como podem imaginar, depois de ouvir o que ouvi em 2005 por parte dos candidatos do bloco de esquerda, foi com num misto de sentimentos que acompanhei a visita às novas instalações. Por um lado satisfeito pelas condições que as crianças da freguesia de Salvaterra de Magos irão usufruir, por outro lado uma grande frustração por não existirem iguais condições nas restantes freguesias do concelho, nesta mistura de sentimentos prevaleceu a frustração, que cresceu ao ouvir as palavras da Senhora Presidente da Câmara Municipal de Salvaterra de Magos, Ana Cristina Ribeiro…”Esta não é uma obra para a promoção da desigualdade na educação das nossas crianças. É sim uma obra que marca o inicio de um arrojado processo de construção de novos centros escolares no concelho.”

 Duas notas…ou talvez mais…

 ”obra que marca o inicio de um arrojado processo de construção de novos centros escolares no concelho”?!?!? Importa-se de repetir?!?!? Arrojado processo?!?! Qual é?!? A conclusão das obras do centro escolar de Marinhais?!? E o resto, e o resto?!?!? E de que resto estou eu a referir-me…então e as crianças dos Foros de Salvaterra, do Granho, da Glória do Ribatejo e de Muge?!?!

 Arrojado Senhora Presidente, era no seu caso, fazer o que as pessoas precisam, não o que o vento lhe trás à secretária.

…”esta não é uma obra para a promoção da desigualdade”. Então não é?!?!? Consegue a Senhora Presidente comparar as condições da nova escola com a escola, por exemplo, de Muge? Como é quanto à climatização, não só das salas, mas da escola como um todo, é igual? E as condições dos espaços onde as crianças almoçam, são iguais?!? E o recreio?!? O equipamentos disponíveis em Salvaterra de Magos são iguais aos das restantes escolas?!? E quando chover? São iguais as condições?!?!

Talvez um pouco de decoro não fizesse mal nenhum…

 …mas há mais, infelizmente há mais!!! Centro Escolar de Foros de Salvaterra?!? Onde?? Não houve financiamento?!?! Já agora qual foi o financiamento para adquirir o terreno da “nova” zona industrial de Muge e para o Complexo Desportivo Municipal?!? Poupo-vos o trabalho da resposta, não foi nenhum…capitais próprios e empréstimos! As prioridades são do bloco de esquerda e vão, vamos, todos ter de viver com elas! Precisávamos de um terreno, em Muge, para uma zona industrial? Não! Precisávamos de um Complexo Desportivo Municipal com a dimensão do que há em Marinhais? Não! Precisávamos de mais um jardim/zona de lazer em Muge? Não! Contas por baixo…1+3+1..cinco, cinco milhões de euros gastos em terrenos e infraestruturas que não fazem falta nenhuma às pessoas!

Tomando como certos os números tornados públicos…3,8 M€ e admitindo que em Marinhais serão outros tantos…e mais uma vez por baixo 7+1+3+1=12 milhões de euros!!! Alguém acredita que não dava para construir dois centros escolares, Salvaterra de Magos (para Salvaterra e Foros) e Marinhais (Granho, Glória, Marinhais e Muge), e criar, em claro exagero, boas condições para a prática de futebol em todas as freguesias do concelho? E ainda se podia acrescentar os campos de ténis em Marinhais e a recuperação do Parque das Merendas em Muge.

Cada um vive e convive com as suas decisões, não nos venham é dizer que promovem igualdade de oportunidade.

Mas…afinal de contas são os mesmos que contribuindo para a extinção de três freguesias do concelho (Foros, Granho e Glória) perguntam às pessoas “Que freguesias querem apagar” e que são capazes de dizer, perante um acórdão de um tribunal superior, o Constitucional,“…decide pronunciar-se pela ilegalidade do referendo local que a Assembleia Municipal de Barcelos..” que “Quanto ao Referendo Local à Reorganização Administrativa Territorial Autárquica (RATA), afinal, o Bloco de Esquerda tinha razão.”. Mas…afinal de contas são os mesmos que aumentam impostos e dizem que isso é um “sinal contínuo de atenção e solidariedade para com a realidade económica que as nossas famílias atravessam.”, que perguntam, em Janeiro de 2009 “Para quando o novo Centro de Saúde de Foros de Salvaterra” e aprovam em Setembro 2012 a alteração à alteração para que “possam ser criadas condições para o licenciamento e construção do centro de saúde de Foros de Salvaterra.”.

Enfim…pelos vistos, lamentavelmente, a realidade é uma cena que não lhes assiste!!

Nuno Mário Antão

 

Nota: Fica sempre bem aos eleitos do bloco reconhecerem que erram, e que a prioridade devia ter sido a educação, pode ter sido apenas um desabafo de rede social, mas já os vi começar por menos….

 

 

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s